Ads 468x60px

Chapter #046 - Mega Man


Muito bem, capítulo 46 da saga Mario Verde e o game de hoje é um clássico dos clássicos, que obteve uma enorme franquia, o robozinho azul mais querido do mundo, Mega Man, conhecido no Japão como Rockman, teve o seu primeiro game lançado em 1987 pela Capcom, para o popular Nintentinho. Tudo bem que os americanos cagaram na hora de criar as capas da franquia do Mega Man, mas isso não diminui a mágica do game. Os gráficos não eram muito coloridos mas eram lindos, a jogabilidade era bem limitada, mas a diversão era garantida, assim como a trilha sonora que era excelente também.



A história não é nada digna de cinema, mas também não trata-se simplesmente de salvar a princesa. Em meados de 200X em um futuro distante ou não, uma dupla de cientistas nerds trabalhavam em um projeto para criar robôs humanoides para auxiliá-los em tarefas cotidianas, eram eles Dr. Thomas Light e Dr. Albert Whesker Willy (nome curioso não?). Eles criaram então 7 robôs, Mega Man, Guts Man, Cut Man, Elec Man, Ice Man, Bomb-Man e Fire-Man. Após a criação dos robôs eles foram apresentados ao público, porém apenas Dr. Light recebeu os créditos pela criação, deixando Dr. Willy frustrado e causando uma revolta nele.

Dr. Willy tomado por ódio, rouba 6 dos robôs criados, e os re-programa para destruir a cidade e causar um caos jamais visto, com o objetivo de dominar o mundo. Apenas Mega Man sobra pois era apenas um robô de limpeza doméstica, Mega Man se oferece para ser convertido em um robô de combate para eliminar as ambições de Dr. Willy, Dr. Light aceita e Mega Man parte em suas aventuras para combater os robôs que antes eram seus amigos.


Uma das características da série Mega Man é poder escolher a ordem das fases que vai jogar, não dependendo de uma sequencia, pois o fator principal é derrotar os 6 robôs chefes. Mega Man era possuidor de gráficos ainda nunca vistos, e apesar da jogabilidade simples, como andar, pular e soltar bolinhas pelo braço (sim, isso são tiros) era diversão garantida, eram 6 fases bem variadas e cada chefe possuía seus atributos característicos, apesar de serem poucas fases, não era muito fácil não.

Um fator bem interessante é que ao derrotar um robô inimigo, Mega Man absorve seu poder, e poderá utilizar a arma do mesmo, como por exemplo ao derrotar Ice Man, Mega Man poderá utilizar golpes de gelo. Ao derrotar todos os chefes, então partirá para a última fase que possui mais 4 chefes, sendo o último o próprio Dr. Willy.



Um ponto negativo do jogo é não ter como salvar o game, e também não existe nenhuma espécie de password, ou seja, terá que jogar o game inteiro pra zerar. Mas o jogo é divertido ao extremo, ao menos que você não goste de games de plataforma, ou tenha fobia de robôs azuis, você irá adorar esse game.

Um fator curioso é que em 2006 a Capcom fez um Remake de Mega Man para Playstation Portable, intitulado Mega Man: Power Up, o game é basicamente a mesma coisa, porém com gráficos muito mais lindos, e a trilha sonora também foi toda refeita.


Confiram agora o gameplay desse clássico, Mega Man:


E é isso aí pessoal, esse foi o capítulo 46 da saga Mario Verde, falamos sobre Mega Man de Nintendinho! Até mais!

Um comentário:

Confira outros Games Clássicos que você poderá gostar também!